Notícias

Nova ajuda aos mais vulneráveis

Localização das famílias em Porto Alegre

 

Dando continuidade às ações sociais que vem promovendo durante a pandemia e a paralisação das atividades escolares, o Instituto Jama, sensibilizado com a situação das famílias dependentes de 17 cooperativas de Porto Alegre, decidiu comprar mais 797 cestas básicas para distribuição em áreas de alta vulnerabilidade. O mapeamento das comunidades carentes foi feito pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e Esporte, conduzida pelo Secretário Itacir Flores e seu adjunto Rafael Piccoli.


- Mapeamos mais de 400 áreas e estamos trabalhando para que as famílias deste recorte recebam alimentos e assistência, pois consideramos que este é um público prioritário, principalmente neste momento de pandemia - esclarece Piccoli.


O Instituto Jama, que em função da pandemia vem direcionando seus recursos para aquisição de alimentos e produtos de higiene destinados às famílias mais afetadas, acompanha atentamente o trabalho dos órgãos públicos responsáveis pelo atendimento das parcelas mais necessitadas da população. Segundo a consultora executiva Janaina Audino, o mais importante é que o alimento chegue ao destino com a urgência devida:


- Estamos atuando para que muitas famílias recebam uma cesta básica neste momento que a crise econômica se agrava, sempre com o cuidado de acompanhar a chegada das doações ao destino correto. O mapa nos mostra a localização exata dessas famílias, todas elas em situação de extrema pobreza.


O Demhab será o órgão responsável pela distribuição das 797 cestas básicas.