Notícias

Apoio à pesquisa médica

UFCSPA trabalha na validação dos testes

 

Comprometidos com o combate ao novo coronavírus e a seus efeitos sobre a parcela mais vulnerável da população, o Instituto Jama, a Maromar Investimentos e o Instituto Cultural Floresta uniram esforços para assegurar recursos à Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre destinados à conclusão da pesquisa de validação dos testes rápidos distribuídos pelo governo federal. A UFCSPA desenvolve atualmente três projetos essenciais para o controle da pandemia: produção de protetores faciais, fabricação de álcool em gel e validação de testes capazes de detectar a contaminação.


As doações totalizaram R$ 80 mil e foram depositadas na última quinta-feira, 30, na conta da Fundação Médica do Rio Grande do Sul, que faz a gestão administrativa e financeira dos valores captados. O estudo de validação dos testes é essencial para garantir eficiência ao rastreamento da doença, medida que serve como parâmetro ao poder público para a tomada de decisões sobre o isolamento social e a reabertura das atividades econômicas.


A produção de equipamentos de proteção individual e de álcool em gel pela faculdade destina-se prioritariamente ao uso dos trabalhadores da saúde, que necessitam de proteção permanente e abundante para não se exporem ao contágio, uma vez que lidam diariamente com pacientes infectados e em ambientes de maior risco.